Política

Caiado diz que crescimento do Estado vem do respeito ao dinheiro público e qualificação técnica

Publicado

em

Em entrevista ao Jornal do Meio Dia, da TV Serra Dourada, governador comenta dados do Índice de Atividade Econômica Regional, do Banco Central, com resultado positivo consecutivo por 30 meses, terceira maior sequência histórica do BC para Goiás

“Respeito ao dinheiro público e governo qualificado tecnicamente, que não transforma o Estado em máquina político eleitoral.” Segundo o governador Ronaldo Caiado, essa é a fórmula para garantir o crescimento de Goiás por 30 meses consecutivos. A fala foi durante entrevista nesta quinta-feira (19/10) ao Jornal do Meio Dia, da TV Serra Dourada, e refere-se aos resultados do Índice de Atividade Econômica Regional (IBCR), divulgado pelo Banco Central do Brasil.

No acumulado até o mês de julho, Goiás tem 30 meses seguidos com resultado positivo. Divulgado todos os meses, o IBCR reúne informações sobre o desempenho da economia nos setores agropecuário, industrial, de serviços e comércio. O resultado positivo é superior a 900 dias de crescimento proporcional e representa a terceira maior sequência histórica do BC para Goiás. O levantamento é realizado desde 2003.

Referência
“Goiás dá o tratamento que o empresário merece, facilitando sua vida e o Estado é o primeiro lugar do Centro-Oeste em oferta de mão de obra, benefícios e qualificação”, cita Caiado. Segundo o governador, um dos fatores para o bom desempenho no Estado é o Programa de Desenvolvimento Regional (ProGoiás), com ações de desburocratização da concessão de benefícios fiscais para o setor industrial e garantias de segurança jurídica e impessoalidade.

Na oferta de empregos, Caiado destacou o Feirão de Empregos na Praça Cívica, que vai até essa sexta-feira (20/10), atendendo cerca de 3 mil pessoas por dia. “As pessoas enxergam o respeito com que trabalhamos. Goiás hoje é referência na educação, segurança pública e saúde, tudo isso criado dentro de um governo”, ressaltou o governador.

Em entrevista, Caiado destaca que série de resultados positivos do Estado vem do respeito ao dinheiro público e gestão profissional

Em entrevista, Caiado destaca que série de resultados positivos do Estado vem do respeito ao dinheiro público e gestão profissional

Dentre as mais recentes ações de governo, Ronaldo Caiado foi perguntado sobre o pagamento de bônus por resultados para os servidores da Rede Estadual de Educação. “Fizemos uma revolução na educação, as pessoas viram que podemos ter escolas públicas com resultados melhores que as particulares”, disse Caiado. Ele explicou que o bônus foi estipulado como incentivo: “Todos os servidores da Educação terão bônus de 95% dos seus vencimentos”. O benefício será pago na folha de dezembro, com investimento de R$ 198 milhões do Tesouro Estadual.

Cora e cirurgias eletivas
Durante a entrevista, Caiado afirmou nunca ter admitido Goiás não ter leito público para o tratamento de pacientes com câncer. “Tenho certeza que a população questionava isso”, comentou. “Com toda dificuldade que recebi o Estado e a pandemia, criamos tratamento oncológico em Uruaçu, Itumbiara, fizemos convênio em Jataí e, agora, vamos montar aquilo que é algo que me dediquei o tempo todo. Vai ser o maior centro oncológico da América Latina”, disse Caiado ao anunciar que o Cora já tem 40% da obra concluída.

Ao mencionar o mutirão realizado em Goiás para diminuir a fila de cirurgias eletivas, agravadas durante o período da pandemia, o governador destacou a unificação da demanda represada dos municípios e afirmou que o Estado não se exime de sua responsabilidade. “O cidadão precisa de saúde estando na lista do município ou do Estado. Tanto é que o modelo de Goiás foi copiado. Perto do fim do ano, vamos chegar perto de 100 mil operados”, anunciou.

Fotos: Junior Guimarães / Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Comentários do Facebook

Política

Caiado é eleito presidente do Consórcio Brasil Central

Publicados

em

Por unanimidade, governador de Goiás assume bloco que une Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins

O governador Ronaldo Caiado é o novo presidente do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central (BrC). A definição pelo nome do chefe do Executivo goiano para ficar à frente do bloco em 2024 foi unânime entre os demais governadores que integram o grupo. “É uma alegria receber o apoio de meus colegas. Já vivi bastante na política e, sem dúvida alguma, é um grande desafio”, frisou o gestor durante coletiva à imprensa nesta terça-feira (23/01), em Brasília. Fazem parte do bloco Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins.

Segundo Caiado, a função lhe impõe mais responsabilidade e trabalho, já que os estados que fazem parte do bloco agregam uma população de 26 milhões de habitantes de 875 municípios. No entanto, ele afirma que sua gestão será marcada por decisões trabalhadas em conjunto. “Com a participação e aprovação de todos, a pauta será cumprida por mim, seja ela em contato com o governo federal, ministérios, com a presidência ou com o Congresso Nacional”, pontuou.

O governador sugeriu alguns temas para discussão, envolvendo saúde, orçamento e segurança pública. Áreas que fazem a gestão do Caiado a mais bem avaliada do país, com aprovação de 72%, conforme a última pesquisa AtlasIntel. “Vamos construir uma agenda respeitando as atividades de cada um dos colegas em seus estados, mas trazendo a sintonia das nossas ações e experiências”, citou Caiado. Ele destacou ainda que continuará com aquisições em conjunto, a exemplo do que é feito na compra de medicamentos, em busca de economia e eficiência. “Podemos fazer na área de infraestrutura, com a compra de asfalto, e na de material de consumo dos estados”.

Governador Ronaldo Caiado é eleito por unanimidade para a presidência do Consórcio Brasil Central em 2024

Governador Ronaldo Caiado é eleito por unanimidade para a presidência do Consórcio Brasil Central em 2024

Por fim, o chefe do Executivo estadual reforçou que o consórcio trabalha sem preconceitos e que estará de mãos estendidas aos demais estados do Norte, Nordeste, Sul ou Sudeste, para que boas experiências em segurança, educação e saúde sejam compartilhadas. “Nossa intenção é, cada vez mais, proporcionar a melhoria da qualidade de vida das pessoas”, finalizou.

Ao passar a gestão para Caiado, o governador Mauro Mendes ressaltou a união do bloco. “Temos um esforço comum para cuidar dessa parte do Brasil. São sete estados, que desde 2015 compartilham experiência e com sinergias regionais constroem alternativas para um bom desenvolvimento das políticas públicas em cada estado”.

Fórum
A eleição do novo presidente do bloco ocorreu paralelamente ao Fórum de Governadores do BrC. Na ocasião, o Governo de Goiás apresentou o projeto vencedor do Prêmio Boas Práticas do Consórcio Brasil Central. Na área de educação, o destaque foi para a iniciativa “Estudantes de Atitude”, lançada em 2019.

“É um programa que promove a cidadania, a formação ética e moral e ainda a transparência e a prevenção da corrupção no âmbito da rede estadual de ensino. É uma ação que nos orgulha muito”, afirmou o secretário de Estado de Infraestrutura, Pedro Sales, que falou em nome do Governo de Goiás. Na primeira edição, em 2019, o projeto teve a participação de 105 unidades escolares e em 2023 saltou para 780, com um alcance de quase 40 mil estudantes de 219 municípios.

Foto: Lucas Diener / Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

 

 

Comentários do Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA